segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Menina Nêga

Pequena nêga de olhos claros,
as curvas dos seus braços encantam os bem-te-vis.

As ondas do mar só existem para vê-la dançar
sob o luar que te banha, dourada.

Sua voz ofusca o grito das arapongas,
seja qual for a floresta,
seja qual for o mar,
és a mais bela Janaína de todos eles.

Você é luz, és desejo.
Como o Sol é para a Lua.

A fonte de mel para muitos,
que apenas passam como espectadores.

Rafael Cunha

Um comentário:

Encosto de Betty Davis disse...

Eis aqui uma fonte de mel para muitos que passam como expectadores...

Me acho sim uma janaína...