terça-feira, 15 de julho de 2008

Viver

Vivi de várias maneiras.
Limpída como a água, e sorridente.
Sorriso do tamanho de uma roda gigante.
Radiante como a Lua que reflete os olhos do Sol.
Imagine que vivi pra vocês,
seja uma fonte inteira,
de vontade,
de imaginação,
de suposta como é.
Vivi de gosto como água,
ingere alegria e sacia a alma.
Cada palavra entre as cartas ocultas palpita o coração.

Rafael Cunha

2 comentários:

Livia disse...

Saudade!

Rafael Cunha disse...

Será?
Já me curei disso.. hehehe