segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Evolução

Depois de curado, amei novamente.
No primeiro suava de alegria.
No segundo deitei nas suas fronhas para depois me apaixonar.
Em uma semana cada dia perfeito,
para no sétimo, sua ausência.

Por ora, sete voltas da Terra.
Um dia de dança na sala.
Um jantar, uma lasanha requentada.
Algumas cervejas e suco de uva, porém de soja.

Restaram várias saudades.
Dela, dos seus dedos engraçados,
seu sorriso, sua boca, seu nariz, sua voz.
Pelas inúmeras vezes em que me chamava pelo nome
só pra dizer que estava com saudade.
Ei você! Tenho saudades da semana passada.

Rafael Cunha

Um comentário:

Sonhador disse...

Parabens pelo seu Blog, irei te seguir,

Seja membro do Meu: www.letrasdemusicas3.blogspot.com

Abraços